Iniciação Científica

TECNOLÓGICOS

GESTÃO E ESTRATÉGIAS EM TECNOLOGIAS ORGANIZACI organizacionais – GETO/NeTConscientes da necessidade de construir e aplicar conhecimentos tecnológicos apresentados e construídos ao longo da vida acadêmica dos discentes dos cursos tecnológicos do UNIFACEX, somado ao fato de desenvolver pesquisadores a competência inerente à construção do conhecimento, através de seus aprofundamentos teóricos e metodológicos aplicados de um lado e buscando resultados e melhores subsídios para inovação tecnológica das organizações na prática social de outro, o NeT, nesta perspectiva, traz à tona a possibilidade de uma reflexão sobre as práticas de pesquisa em gestão e estratégia organizacional aplicada no Brasil e no Mundo. Com isso, o NeT, propõe a formatação de um base de pesquisa em Gestão e Estratégias Tecnológicas Organizacionais (GETO), na qual o eixo de atuação principal serão os sistemas de gestão e estratégias aplicados no contexto das inovações tecnológicas das organizações Brasileiras.

A GETO visa propiciar aos discentes/pesquisadores/empresários um processo de ensino-aprendizagem no contexto da pesquisa aplicada de maneira que os possibilite se situarem numa dinâmica de um novo contexto organizacional e nas teorias que tentam explicar os respectivos contextos, que se encontram em constantes transformações. Dessa forma, facilitar-se-á o entendimento dos processos, procedimentos e das problemáticas no universo das organizações, capacitando-os a estudá-las, analisá-las e a buscar por estratégias alternativas (inovação).

Colaborando com a construção universitária a GETO, surge como um espaço de aprofundamento teórico e de iniciação à pesquisa para os professores/discentes/pesquisadores, conforme cita o PDI – Plano de Desenvolvimento Institucional.

Com isso, o NeT busca práticas de pesquisa tecnológica, a partir da realização de pesquisas sistematizadas, bem como, para aqueles docentes que quiserem submeter suas propostas de pesquisas para avaliação da comissão do GETO de maneira que tenha como objeto básico de estudo a gestão e estratégias organizacionais, aplicada de forma inovadora nas organizações.

Assim, através da Portaria da Direção Acadêmica n° 001/2009, a GETO foi institucionalizada.

Pesquisa GETO (2009, 2010, 2011, 2012 e 2013)

ENFERMAGEM

ENFERMAGEM NAS AÇÕES PROMOCIONAIS À SAÚDE

A Coordenação do Curso de Enfermagem do Centro Universitário UNIFACEX, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais, reconhecendo a necessidade de ampliar e disseminar os saberes do mundo científico por meio do ambiente acadêmico, conforme já previsto no Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI) do UNIFACEX e no Projeto Político Pedagógico do Curso, cria o grupo de pesquisa“ENFERMAGEM NAS AÇÕES PROMOCIONAIS À SAÚDE: uma abordagem interdisciplinar”.

Nesse ínterim, o grupo de pesquisa tem por objetivo alocar indivíduos com perfil de pesquisador a fim de fomentar a pesquisa na área de saúde, mais especificamente no campo da enfermagem, contribuindo com o universo científico e aprimorando uma formação crítica-reflexiva.

Pois, com o acelerado crescimento do conhecimento nos últimos anos torna-se imprescindível a formação de indivíduos capazes de buscar conhecimentos e de saber utilizá-los. Ao contrário de outrora, quando o importante era dominar o conhecimento, hoje penso que o importante é “dominar o desconhecimento”, ou seja, estando diante de um problema para o qual ele não tem a resposta pronta, o profissional deve saber buscar o conhecimento pertinente e, quando não disponível, saber encontrar, ele próprio, as respostas por meio de pesquisa.

É dentro desta perspectiva que a inserção do aluno de graduação em grupo de pesquisa se torna um instrumento valioso para aprimorar qualidades desejadas em um profissional de nível superior, bem como para estimular e iniciar a formação daqueles mais vocacionados para a pesquisa.

O grupo de pesquisa “ENFERMAGEM NAS AÇÕES PROMOCIONAIS À SAÚDE: uma abordagem interdisciplinar” liderado pela professora doutora Isabel Cristina Amaral de Sousa Rosso Nelson teve inicio no final do semestre 2014.2, composta de 17 membros sendo destes 10 discentes e 7 orientadores tem como objetivo o despertar para o universo da pesquisa e o desenvolvimento da mesma  na área da saúde/enfermagem, aprimorando conhecimentos teórico-prático-metodológicos nas seguintes linhas:

  • O PROCESSO DE TRABALHO DA ENFERMAGEM NA ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE.
  • EDUCAÇÃO E CIDADANIA NAS AÇÕES DE ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM.
  • FORMAÇÃO E EDUCAÇÃO EM SAÚDE/ENFERMAGEM.
  • DESENVOLVIMENTO DO PROCESSO ASSISTENCIAL NA MÉDIA E ALTA COMPLEXIDADE

Importante lembrar que o perfil dos participantes do grupo são educandos e educadores que estejam focados com o desenvolvimento da pesquisa científica na área de saúde/enfermagem.

Pesquisadores responsáveis

  • Isabel Cristina Amaral de Sousa Rosso Nelson, Dra
  • Ana Elza Mendonça, Dra
  • Tayssa Suelen Paulino, Mse.
  • Karolina Moura Manso, Mse.
  • Danyelle Leonette, Mse.
  • Lorena Mara da Nóbrega, Mse.
  • Fábio Costa, Esp.

Área de concentração: Enfermagem, Biologia e Nutrição

SERVIÇO SOCIAL

POLÍTICAS PÚBLICAS, ÉTICA E DIREITOS HUMANOS – BPEDHA Base de pesquisas em Ética, Direitos Humanos e Cidadania, e Políticas Públicas da UNIFACEX no âmbito do Curso de Serviço Social surge como uma necessidade de aglutinar outros cursos como: Gestão Pública , Psicologia, Enfermagem e Direito. A Base de Pesquisa será coordenada pelo Curso de Serviço Social e inicialmente irá funcionar modestamente nas dependências do próprio curso. O formato das reuniões e o funcionamento dos grupos serão definidos pelos responsáveis por cada linha de pesquisa junto à coordenação da base.

Sendo caracterizada uma instituição de gestão democrática tanto no âmbito da administração quanto nas coordenações, a Base também terá como um dos princípios a participação de alunos, professores e profissionais dos diversos cursos existentes, tanto em nível de graduação quanto de pós-graduação possibilitando os mesmos refletirem e conhecerem as diversas temáticas.

Cada professor participante da base ficará responsável pela coordenação de cada Grupo de Estudo. O número de alunos será de no máximo 12 alunos para cada linha de pesquisa, os quais deverão fazer uma exposição de motivos e demonstrar o interesse em participar da Base.

Fazem parte do BPEDH os seguintes docentes:

  • Prof. M. Sc. Adna Rejane Freitas Rego
  • Prof. M. Sc. André Luiz de Lima
  • Prof. M. Sc. Cilene Nunes Dantas
  • Prof. M. Sc. Gilsemberg Gurgel Pinheiro
  • Prof. M. Sc. Iza Cristina Leal Bezerra do Amaral
  • Prof. Dra. Joseneide Souza Pessoa
  • Prof. M. Sc. Maria Alaíde de Oliveira
  • Prof. M. Sc. Renata Rocha Leal de Miranda Pereira Pinheiro
  • Prof. M. Sc. Richard Medeiros de Araújo
  • Prof. M. Sc. Sânzia Pinheiro Barbosa
  • Prof. M. Sc. Terezinha Cabral de Albuquerque Neta
  • Prof. M. Sc. Waleska Patrícia de Lima Santos
  • Prof. M. Sc. Wanessa Kaline de A. Moura

Convicto da indissociabilidade entre a investigação científica e a construção coletiva do saber, o NE3 age no sentido de criar e fortalecer vínculos com pesquisadores e grupos de pesquisa, bem como, iniciar cientificamente alunos em busca do aprofundamento da produção científica criativa e plural.

Área de concentração: Filosofia, Sociologia, Direito, Psicologia, Enfermagem, Biologia e Pedagogia

Linha de Pesquisa:

  1. Direitos Humanos e Cidadania: violência;
  2. Ética: corrupção no serviço público, assédio moral;
  3. Políticas Públicas: controle social, participação social.

Professora Orientadora: MSc. Maria Tereza de oliveira

ADMINISTRAÇÃO

NÚCLEO DE ESTUDO EM ESTRATÉGIA EMPRESARIAL – NE3O Núcleo de Estudos em Estratégia Empresarial (NE3) é um grupo de pesquisa que desenvolve sua atividade no campo dos estudos organizacionais. O NE3 está ligado ao Curso de Administração do UNIFACEX. Como grupo de pesquisa, atualmente, o NE3 declara como missão estudar a temática da Estratégia Empresarial e suas implicações nas organizações.

Assim, os objetivos e escopo de atuação do núcleo se inserem na moderna visão que se tem da área de administração, primando pela observação crítica dos impactos reais da adoção de estratégias em suas diversas modalidades nas organizações. Para isso, desenvolve atividades com o intuito de fortalecer o aprofundamento do conhecimento sobre estratégia empresarial, por meio do desenvolvimento de investigações de caráter científico que adotem perspectivas teóricas inovadoras e cuja aplicabilidade contribua para o desenvolvimento local e o interesse comum.

Atualmente, as investigações desenvolvidas no NE3 giram em torno dos Arranjos Produtivos Locais (APL`S) que desenvolvem atividades no Rio Grande do Norte. A pesquisa busca elucidar, por meio de uma abordagem longitudinal, algumas características inerentes às relações inter-organizacionais como, por exemplo, os fatores contingenciais de formação dos arranjos, a caracterização dos recursos disponíveis e benefícios alcançados.

Fazem parte do NE3 os seguintes docentes:

  • Profª M.Sc. Alice Dantas de Medeiros
  • Profª M.Sc. Ana Járvis de Melo Campos
  • Prof. M.Sc. Daniyel Ferreira de Medeiros
  • Prof. M.Sc. Iêda Isabella Lira de Souza
  • Prof. M. SC. Pio Marinheiro de Souza Neto

E os seguintes discentes:

  • Mariselma Vanessa B. de Morais
  • Santiago Barbosa Vieira

Discente Convidada:

  • Talita Dias Chagas

Em 2009, a base era composta pelos seguintes discentes:

  • Daniela Klafke Macedo
  • Geissy Hanie Alves de Araújo
  • Vitor Hugo de Oliveira Amaral

Em 2010:

  • Adisson Dantas
  • Anne Sperancini
  • Célia Regina Lima Buarque de Souza
  • Isaque Renovato
  • Leonardo Ruan Dantas de Aguiar
  • Moisés Nobrega
  • Talita Dias Chagas

Em 2011:

  • Talita Dias Chagas

Em 2012:

  • Luiz Francisco de Oliveira Neto
  • Talita Dias Chagas

E em 2014:

  • Anielly Karolinny da Silva Costa
  • Clenia Genimara de Andrade Cunha
  • Fernanda Maria de Oliveira Firmino
  • Mateus Henrique de Azevedo
  • Marília Mileny Melo Araújo
  • Rafaela Costa de Azevedo
  • Robson da Silva Teixeira
  • Ruana Raila de Freitas Araújo Almeida

Convicto da indissociabilidade entre a investigação científica e a construção coletiva do saber, o NE3 age no sentido de criar e fortalecer vínculos com pesquisadores e grupos de pesquisa, bem como, iniciar cientificamente alunos em busca do aprofundamento da produção científica criativa e plural.

Área de concentração: Estudos Organizacionais
Linha de Pesquisa: Arranjos Produtivos Locais
Professor Orientador: M.Sc. Iêda Isabella de Lira

Produção da Base de Pesquisa – Ano 2014

AZEVEDO, M. H. ; MOURA, G. K. L. . MARKETING 3.0: UMA NOVA FASE PARA A GESTÃO DE MARKETING. X ENEX – ENCONTRO CIENTÍFICO E CULTURAL DO UNIFACEX, BRASIL, 2014.http://enex.unifacex.com.br/utilitarios/pdf/trabalhosAceitos/GRADE%20ORAL_2014_ENEX.pdf

ALMEIDA, Ruana R. F. A. Liderança como sinônimo de motivação: impactos positivos e negativos. X ENEX – ENCONTRO CIENTÍFICO E CULTURAL DO UNIFACEX, BRASIL, 2014.http://enex.unifacex.com.br/utilitarios/pdf/trabalhosAceitos/GRADE%20ORAL_2014_ENEX.pdf

Produção da Base de Pesquisa – Ano 2011

MARTINS, D. A. ; SANTOS, E. M. ; CAMPOS, A. J. M. ; FEITOR, C. D. C. . Análise Longitudinal e Complexa de Arranjos Produtivos Locais: Um Estudo em Empresas de Panificação da Região Metropolitana de Natal. In: Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2011, Belo Horizonte. XXXI ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUCAO. Belo Horizonte, 2011. Disponível em: http://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2011_TN_STO_135_855_19147.pdf.

CHAGAS, T. D. ; MARTINS, D. A. ; CAMPOS, A. J. M. ; FEITOR, C. D. C. . ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS: DA CONCEITUAÇÃO À APRESENTAÇÃO DAS CARACTERÍSTICAS E DAS VANTAGENS. In: Simpósio de Engenharia de Produção, 2011, Baurú. XVIII SIMPÓSIO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. Baurú, 2011.

MARTINS, D. A. ; FEITOR, C. D. C. ; CAMPOS, A. J. M. ; CHAGAS, T. D. . Arranjo Produtivo Local: efeitos e implicações da formação interorganizacional na propensão e na capacidade de inovar com sucesso. In: Congresso Virtual Brasileiro – Administração, 2011, Porto Alegre. VIII Congresso Virtual Brasileiro – Administração. Porto Alegre, 2011. Disponível em:http://www.convibra.com.br/artigo.asp?ev=25&lang=en&id=3218.

CHAGAS, T. D. ; MARTINS, D. A. ; SANTOS, E. M. ; MEDEIROS, A. D. . Criação de Vantagens Competitivas em um APL sob a perspectiva da Visão Baseada em Recursos: Um Estudo em Empresas de Cerâmica do Rio Grande do Norte. In: Congresso Virtual Brasileiro – Administração, 2011, Porto Alegre. VIII Congresso Virtual Brasileiro – Administração. Porto Alegre, 2011. Disponível em: http://www.convibra.com.br/upload/paper/adm/adm_3315.pdf.

MARTINS, D. A. ; RAMOS, A. S. M. ; LOPES, F. D. . Estruturação do Processo Produtivo de Empresas de Desenvolvimento de Software: Uma Análise Institucional de Múltiplos Casos da Região Metropolitana de Recife. In: Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2011, Belo Horizonte. XXXI ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUCAO. Belo Horizonte, 2011. Disponível em: http://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2011_TN_STO_141_891_19162.pdf.

MARTINS, D. A. ; RAMOS, A. S. M. ; LOPES, F. D. . Caracterização do Processo de Desenvolvimento de Software: Um estudo de Múltiplos Casos da Região Metropolitana de Recife. In: Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2011, Belo Horizonte. XXXI ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUCAO. Belo Horizonte, 2011. Disponível emhttp://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2011_TN_STO_141_892_19177.pdf.

MARTINS, L. M. A. E. ; MARTINS, D. A. . Gestão de projetos: um estudo de caso na empresa tekton arquitetura a partir das nove áreas de conhecimento. In: Simpósio de Engenharia de Produção, 2011, Baurú. XVIII SIMPÓSIO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. Baurú, 2011.

CHAGAS, T. D. ; MARTINS, D. A. ; ARAÚJO, G. H. A ; FEITOR, C. D. C. ; SOUZA, I. I. L. . ARRANJOS PRODUTIVOS LOCAIS: DA CONCEITUAÇÃO À APRESENTAÇÃO DAS CARACTERÍSTICAS E DAS VANTAGENS. Carpe Diem: Revista Cultural e Científica, v. 9, p. 2, 2011.

MARTINS, D. A. ; RAMOS, A. S. M. ; LOPES, F. D. . Estruturação do Processo Produtivo de Empresas de Desenvolvimento de Software: Uma Análise Institucional de Múltiplos Casos da Região Metropolitana de Recife. In: Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2011, Belo Horizonte. XXXI ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUCAO. Belo Horizonte, 2011

Produção da Base de Pesquisa – Ano 2009

MARTINS, D. A. ; FEITOR, C. D. C. ; CAMPOS, A. J. M. ; SANTOS, E. M. ; FORBELONI, J. V. ; GUERRA, L. C. B . Arranjos Produtivos Locais: Contribuições para uma Análise Longitudinal e Complexa dos Aspectos Estratégicos. Ariús: Revista de Ciências Humanas e Artes (UFCG), v. 15, p. 73, 2009.

MARTINS, D. A. ; RAMOS, A. S. M. ; LOPES, F. D. . A Teoria Institucional e A Teoria da Estruturação: Uma Proposta de Conciliação nas Pesquisas de SI. In: XXVIII-Encontro Nacional de Engenharia de Produção, 2009, Salvador. Anais do XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção. Salvador, 2009.

MARTINS, D. A. ; GUERRA, L. C. B ; SANTOS, E. M. ; CAMPOS, A. J. M. ; FORBELONI, J. V. ; FEITOR, C. D. C. . Arranjos Produtivos Locais: Contribuições para uma Análise Longitudinal e Complexa dos Aspectos Estratégicos. In: XXXIII-Encontro da Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Administração, 2009, São Paulo. Anais do XXXII Encontro da Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Administração, 2009.http://www.abepro.org.br/biblioteca/enegep2011_TN_STO_135_855_19147.pdf

MARTINS, D. A. ; SOUZA NETO, P. M. ; ARAÚJO, G. H. A ; SANTOS, E. M. ; CAMPOS, A. J. M. . Arranjos Produtivos Locais: Retrospectiva e Tendências na Perspectiva das Operações de Serviços. In: XVI SIMPEP-Simpósio de Engenharia de Produção, 2009, Baurú. Anais do XVI Simpósio de Engenharia de Produção. Baurú, 2009.

FEITOR, C. D. C. ; PINHO, A. L. S. ; VIVACQUA, C. A. ; SANTOS, E. M. ; MARTINS, D. A. . Seleção de Projetos Críticos para Intervenção do Programa Seis Sigmas: Uma Abordagem Baseada na Matriz de Priorização. In: Simpósio de Engenharia de Produção, 2009, Baurú. XVI SIMPÓSIO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO. Baurú, 2009.

Produção da Base de Pesquisa – Ano 2008

MARTINS, D. A. ; SANTOS, E. M. . Autogestão: Garantia de Confiabilidade na Estrutura de Governança da Organização. In: XV Congreso de Administración del Mercusor – CONAMERCO,, 2008, Foz do Iguaçú. Anais do XV CONAMERCO, 2008.

PSICOLOGIA

LABORATÓRIO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM PSICOLOGIA DO ESPORTE DE NATAL/RN (LEPPEN)O Laboratório de Estudos e Pesquisas em Psicologia do Esporte de Natal/RN trata-se de um espaço acadêmico que visa reunir estudiosos e pesquisadores que se iniciam na área, a título de divulgar, ampliar e possibilitar o estudo da Psicologia do Esporte. Esta área é considerada nova e em expansão e, junto com as demais Ciências do Esporte, vem apresentando grande e forte evolução em seus mais variados campos de aplicação, o que tem possibilitado a inserção dos membros do LEPPEN em diversos segmentos sociais, com seus trabalhos e intervenções pontuais.

Linhas de pesquisa:

  1. PSICOLOGIA DO ESPORTE E DO EXERCÍCIO: ASPECTOS EMOCIONAIS E COMPORTAMENTAIS.
  2. ASPECTOS PSICOLÓGICOS EM ESPORTES AMADORES, ESCOLARES E UNIVERSITÁRIOS.
  3. NOVAS MÍDIAS E NOVAS TECNOLOGIAS NO CONTEXTO ESPORTIVO.

Cursos envolvidos : PSICOLOGIA E EDUCAÇÃO FÍSICA

Professor responsável: RAPHAEL MOURA ROLIM, Msc. raphaelmoura_@hotmail.com

Integrantes

  • ANA KARINY CABRAL ARAÚJO (graduanda Psicologia – UNIFACEX)
  • ANNA CÂNDIDA DE FIGUEIREDO MELO PEREIRA GUIMARÃES (Psicóloga)
  • CARLA RAFAELA MARTINS FREIRE (graduanda Psicologia – UNIFACEX)
  • EMERSON DIAS BATISTA (recém-formado em Educação Física – UNIFACEX)
  • GUSTAVO HENRIQUE GONÇALVES E SILVA (graduando Educação Física – UNIFACEX)
  • IARA DOS SANTOS BARBOSA DA SILVA (graduanda Psicologia – UNIFACEX)
  • LARA FLÔR BARROSO GADELHA (graduanda Psicologia – UNIFACEX)
  • LÍLIAN PEREIRA DA SILVA (recém-formado em Educação Física – UNIFACEX)
  • MÁRIO THIAGO FLORES FIGUEREDO (graduando Psicologia – UNIFACEX)
  • SOLANGE FERRAZ DE ARAÚJO (recém-formada em Psicologia – UNIFACEX
Produções da base de pesquisa – Ano 2016
SILVA, G.H.G. e; GADELHA, L.F.B.; ROLIM, R.M.; Percepção de atletas escolares de futsal sobre o estilo de liderança do treinador. Coleção Pesquisa em Educação Física, Várzea Paulista, v.15, n.4, p.139-148, 2016. ISSN; 1981-4313. Disponível em:
RSS
Facebook
Facebook
Twitter
Visit Us
Instagram